Consulte aqui a análise da CIP às projeções económicas mais recentes para Portugal, divulgadas pelo Banco de Portugal, Comissão Europeia e FMI.
O Banco de Portugal continua a apontar para a continuação do processo de recuperação gradual e sustentada da atividade económica, esperando agora um contributo mais forte do investimento.
As previsões do FMI divergem das apresentadas pelas restantes entidades por apontarem para uma desaceleração da atividade económica em 2016.