CIP é co-signatária de carta da BUSINESSEUROPE que alerta para o impacto negativo na economia

A BUSINESSEUROPE, juntamente com Federações-membro dos países envolvidos no processo de cooperação reforçada para a adoção de um imposto sobre transações financeiras, voltou a expressar as suas preocupações decorrentes do impacto negativo deste imposto na recuperação da economia europeia.

A carta de 6 de novembro, co-assinada pelo Presidente da CIP, António Saraiva, foi enviada aos Presidentes da Comissão Europeia, do Conselho Europeu e do Parlamento Europeu e aos membros do Conselho dos Assuntos Económicos e Financeiros da UE. Tendo por base uma descrição sucinta dos vários efeitos negativos, os Presidentes das Federações europeias apelam aos Ministros das Finanças dos países envolvidos para rejeitaram esta proposta e, assim, acabarem com a incerteza que este processo, iniciado em 2012, tem provocado na economia europeia.