Categoria: Assuntos Económicos Docs




Previsões Económicas 2018/2021 – análise CIP

2018-09-01_artigodv

 

O Banco de Portugal atualizou as suas projeções macroeconómicas para o período de 2018/2021, revendo em baixa as suas previsões para o crescimento do PIB em 2018 e 2019.

Apesar do abrandamento da atividade económica ao longo do horizonte temporal destas projeções, o emprego deverá continuar a crescer, embora a um rimo progressivamente menor.

A CIP salienta a conclusão do Banco de Portugal de que, com o “progressivo esgotamento da margem de recursos produtivos não utilizados na economia portuguesa”, “a aposta no capital humano se afigura essencial”, além da importância do investimento empresarial como “fator potenciador do crescimento económico”.

Consulte aqui a análise da CIP às últimas projeções económicas para Portugal.

Partilhar...Email this to someoneTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn

  Categoria: Assuntos Económicos, Assuntos Económicos Docs


BusinessEurope destaca guerra comercial e escassez de qualificações como principais riscos para o crescimento

economic-outlook-autumn2018

 

No seu Economic Outlook do outono, relatório que contou com a contribuição da CIP, a BusinessEurope prevê para 2018 um abrandamento do crescimento económico na União Europeia para 2,2%, após ter atingido 2,4% em 2017, regressando a taxas mais próximas (mas ainda acima) do seu potencial de longo prazo. Para 2019, projeta-se uma nova desaceleração para 2,0%.

Estes valores resultam de uma revisão ligeiramente em baixa (de 0,2 e 0,1 pontos percentuais, para 2018 e 2019, respetivamente) em relação às previsões do Economic Outlook da primavera.

A BusinessEurope destaca dois importantes riscos para o crescimento económico:

  • O perigo de uma escalada da guerra comercial (estimando o FMI que tal escalada poderia reduzir o PIB global em quase um por cento, em 2020).
  • A escassez de oferta de qualificações, mesmo nos Estados-Membros com uma taxa de desemprego ainda relativamente elevado, uma vez que o processo de digitalização está a aumentar rapidamente a procura de trabalhadores qualificados.

Neste contexto, uma das recomendações políticas deste relatório aponta para a necessidade de um reforço das ações para qualificar e requalificar os recursos humanos, por forma a assegurar que a União Europeia possa aproveitar plenamente as novas oportunidades na economia global, inclusive através da digitalização.

Conheça aqui o documento na íntegra.

O Diretor-Geral da BusinessEurope, Markus J. Beyrer, resume os principais pontos do relatório num curto vídeo:

Partilhar...Email this to someoneTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn

  Categoria: Assuntos Económicos, Assuntos Económicos Docs, Destaque, União Europeia, União Europeia Docs