APICCAPS – Portuguese Shoes

  Categoria: Newsletter, Notícias dos Associados

2016-12_portuguese_shoes

 

A Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado, Componentes, Artigos de Pele e seus Sucedâneos – APICCAPS – é uma associação empresarial de âmbito nacional, fundada em 1975, que representa todos os setores de atividade relacionados com o calçado em Portugal: indústria e comércio de calçado, indústria de componentes para calçado, indústria de artigos de pele (malas, carteiras, luvas, cintos, etc.) e indústria e comércio de equipamentos para os setores anteriormente referidos.
O objetivo da APICCAPS é o de promover o desenvolvimento sustentado dos setores e empresas que representa.

A indústria do calçado emprega atualmente cerca de 38 mil pessoas e a sua produção anual ultrapassa os 75 milhões de pares de calçado, o que demonstra o peso do setor na indústria transformadora. Estes indicadores são o reflexo da mudança de estratégia operada no cluster do calçado, assente numa orientação para o mercado suportada por apostas na moda e design, a par da reconversão das operações que permitiram conjugar parâmetros de elevada qualidade na produção, com flexibilidade e maior rapidez de resposta a encomendas.
O calçado em couro, material mais nobre da indústria, continua a ser o foco principal da produção nacional, com 91% do valor das suas vendas, nele se destacando o calçado de senhora (46% da produção nacional), com um preço médio de quase 30 euros por par. Segue-se-lhe em importância o calçado para homem, com cerca de um terço da produção nacional, a um preço médio muito próximo do de senhora.

O grande objetivo estratégico do setor é ser a referência internacional da indústria de calçado, pela sofisticação e pela criatividade, reforçando as exportações portuguesas alicerçadas numa base produtiva nacional, sustentável e altamente competitiva, fundada no conhecimento e na inovação.

Para tal muito tem contribuído a atuação do protagonista deste mês da newsletter da CIP, a APICCAPS, que desenvolve uma intensa atividade visando a crescente internacionalização das empresas.
Em estreita cooperação com a AICEP e o apoio das políticas públicas, promove a presença portuguesa em sensivelmente 80 certames profissionais por ano no exterior, organiza, regularmente, missões empresariais de prospeção comercial e realiza campanhas de promoção do calçado português nos mercados externos.

Para além da sua atividade em prol da internacionalização do setor, a APICCAPS promove e incentiva uma política de inovação permanente como instrumento decisivo para o reforço da capacidade competitiva das empresas e disponibiliza aos seus associados serviços em diversas áreas, designadamente apoio jurídico gratuito no contencioso laboral, informação jurídica, designadamente nas áreas de direito de trabalho, comercial e fiscal, licenciamento industrial, incentivos ao investimento, ao emprego, de natureza fiscal, etc., ambiente, saúde, higiene e segurança no trabalho, acesso a bases de dados nacionais e internacionais, informação sobre concursos públicos, informação de contencioso comercial, subcontratação/oportunidades comerciais e informação.

A APICCAPS assegura ainda a representação da fileira do calçado nas negociações das Convenções Colectivas de Trabalho com os Sindicatos, procurando criar condições para o desenvolvimento competitivo das empresas e para a melhoria das condições socioeconómicas dos trabalhadores e é responsável pela produção e divulgação de informação sobre e para o setor, através do Canal de TV “What’s Up – Olhar a Moda”, do Jornal da APICCAPS, da Revista Portuguese Soul, do boletim trimestral de conjuntura, da Monografia Estatística, do WorldFootwear e da Campanha “The Sexiest Industrie in Europe”.

Comunicar uma indústria que quer ser a mais Sexy do Mundo, significa reforçar continuamente impacto e notoriedade. Símbolo máximo da estratégia de posicionamento global do setor, a campanha sintetiza as conquistas e objetivos que sempre orientaram as marcas e profissionais que integram a APICCAPS (Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado, Componentes e Artigos de Pele se Seus Sucedâneos) ao longo dos últimos sete anos de crescimento ininterrupto.

A atriz Victoria Guerra, regressa à Campanha Portuguese Shoes 2017, para dar vida a seis ícones que sintetizam a história de um setor que todos os dias acorda com o mundo aos pés. De Betty Page a Rihanna, a campanha percorre o universo de seis personagens que cruzam referências estéticas, culturais e históricas do cinema, música e espetáculo.

Desde o lançamento da Campanha Portuguese Shoes, as exportações portuguesas de calçado já aumentaram mais de 55%, ascendendo agora a 1.900 milhões de euros nacionais. Portugal exporta anualmente 98% da sua produção, o equivalente a 70 milhões de pares, para 152 países, nos cinco continentes.

iconic-campanha-portuguese-shoes-2017_2

Partilhar...Email this to someoneTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn